Baú da Dynamite: Seu Cuca

Confira também esta matéria em áudio!
Seu Cuca: Sucesso independente
By Marcos Bragatto

Mesmo sendo uma banda independente, o Seu Cuca só foi aparecer no circuito numa das noites do festival Humaitá Pra Peixe, em 2003. Formada em 2000, a banda carioca já tinha lançado o primeiro disco, que teve bom alcance de público e mídia. Tudo teve início quando o guitarrista e vocalista James Lima, o baixista Pedro Sol e o baterista Daniel BZ deixaram de tocar metal em outra banda (a Anesthesia) e começaram a se apresentar em festas de amigos, “só por diversão”, como admitiu James em entrevista à Dynamite. Hoje completam a formação Bruno Lima (guitarra) e Bruno Neves (percussão).

O nome surgiu de uma história impublicável, e também porque, com o primeiro show marcado, quase não deu tempo para pensar nesse “detalhe”. “Na falta de algo melhor acabou ficando Seu Cuca. Depois pensamos que o Seu Cuca poderia ser um sobrinho da Cuca (do Sítio do Pica Pau Amarelo), e criamos um jacaré como nosso mascote”, explica James.

Com uma demo com oito músicas a banda partiu já para o primeiro álbum, “Onde Você Estiver”, lançado no final de 2002. Antes da gravação, entretanto, um fato inesperado ajudou o grupo a se tornar conhecido. É que uma produtora de vídeo, interessada em entrar no mercado de videoclipes, convidou o Seu Cuca para gravar um clipe a preço de custo. Com a ajuda do produtor Chico Neves (Skank, Paralamas), que cedeu seu estúdio, gravaram a música “Onde Você Estiver” com excelente qualidade. “Nem sabíamos se o clipe seria exibido, mas na segunda semana já estava em 16º lugar no Multishow, e assim permaneceu por 60 semanas, fato inédito para um clipe independente”, comemora James. A exposição chamou a atenção da Seven Music, uma distribuidora de discos que bancou a gravação do álbum, distribuído pela Sony. Como as duas empresas não tinham verba para a promover o disco, a própria banda comprou os direitos e iniciaram, aí sim, uma carreira independente, que já vendeu cerca de 15 mil cópias.

A exposição na TV (onde mais tarde a banda emplacaria mais dois videoclipes), garantiu uma farta agenda de shows. “Foram 96 em 2003. Os mais importantes foram o Skol Rio (12 mil pessoas), o Festival Oi de Inverno (seis mil), e o Humaitá Pra Peixe 2003, em termos de reconhecimento”, conta James. Ainda em 2003, a banda foi indicada ao Prêmio Multishow na categoria “Revelação Grupo”, ao lado de nomes como Rouge (que acabou vencendo), Detonautas, Rodox e Berinbrown. “Onde Você Estiver”, o disco, pode até fazer certos freqüentadores do underground torcer o nariz, mas não há como negar que ele contém certas pérolas da música pop, como a baladinha romântica “Não Há”, que parece ter saído do repertório de Lulu Santos; a faixa título, com arranjo rock/reggae; a cadenciada “Pra Te Ver”; e até uma pesada versão para “Só Você”, de Vinícius Cantuária. Falando em underground, mesmo sendo independente, não é comum vermos o Seu Cuca tocando na “cena”. “Começamos tocando para amigos, fomos conquistando público e começamos a lotar as casas noturnas. Hoje temos nosso próprio público, fora do underground. Ao mesmo tempo acabamos ficando meio isolados e é difícil ver nosso nome na mídia dessa ‘cena’”, acredita James.

Atualmente abanda prepara material para o segundo disco, e não descarta a possibilidade de fazer o lançamento por uma grande gravadora. “Estamos conversando sobre uma parceria. Apesar do mercado estar ruim, estamos felizes com nosso trabalho, que está crescendo, mesmo com as dificuldades que as bandas novas enfrentam”, conclui James Lima.

(O texto completo desta matéria você pode ler na versão impressa da Revista Dynamite nº 75)

44280cookie-checkBaú da Dynamite: Seu Cuca
Adicionar aos favoritos o Link permanente.
0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments